terça-feira, 18 de janeiro de 2011

O assunto da hora.

Com o final de 2010 coincidindo com o final do governo de Lula, a maquiagem de dados do ministério da Fazenda, para manter os índices próximos dos limites aceitáveis foi um fato no mínimo inusitado e que arranhou o que alguns chamavam até então de “o melhor governo que o Brasil já teve”. Há controvérsias.

Como o povo e a opinião pública, não deram muita importância, talvez por conhecer os números reais, o governo Dilma começa também com maquiagens nos números do ministério do trabalho que eleva de 2,1 para 2,5 milhões de empregos gerados em 2010.

A diferença, é que o ministério não contabilizou as demissões gerando assim um índice maquiado.

Com uma mulher no governo, a possibilidade de maquiagem é maior?

Foto: Ivaldo Cavalcante/ do R7

Nenhum comentário:

Postar um comentário