sexta-feira, 1 de abril de 2011

Inviolabilidade parlamentar

Toda a polêmica gerada pela opinião do deputado Jair Bolsonaro traz à tona a discussão sobre um direito conferido a quem exerce mandato parlamentar: a inviolabilidade de opiniões. Essa proteção é garantida pela Constituição Federal. A questão é: até onde vai esse direito? E se alguém se sentir ofendido?

Essa é a hora da sociedade debater sobre esse assunto e penso eu que também sobre essa redoma que resiste sob pretexto de assegurar interesses maiores que é imunidade parlamentar, mas esse debate não pode ficar só na esfera dos poderes executivos e legislativos, tem que ser debatido de forma ampla e acabar com esse corporativismo que existe entre e dentro dos poderes que acabam promovendo pessoas como juízes, desembargadores, governadores, senadores, deputados e ministros a intocáveis.

Se olharmos de alguns anos para cá o índice de crimes cometidos por esses intocáveis cresceu muito mais do que os crimes comuns e o debate entorno dessa intocabilidade não avançou nada.

E a sociedade?

E você o que acha sobre isso?


Edinho Miranda

Nenhum comentário:

Postar um comentário