sábado, 3 de março de 2012

Resende tira nota vermelha, surpreende e vai mal no IDSUS 2011


O IDSUS 2011 é o índice criado pelo SUS para medir a saúde, da saúde das cidades  e estados do Brasil.

E mais uma vez quando o assunto é traduzir o governo Rechuan em números e índices a coisa vai de péssimo a pior.
Há alguns dias, postei um texto que mostrava o retrocesso da cidade de Resende, nos índices primários que indicam qualidade de vida e crescimento e muitas pessoas reclamaram da data, da forma de coletar os dados e todos os tipos de desculpa esfarrapada desqualificando a fonte  que no caso era a FIRJAN.

Pois bem, agora o índice da FIRJAN não só foi corroborado pelo Ministério da Saúde, mas também foi  retificado  segundo o documento emitido pelo Ministério da Saúde.

Agora resta aos políticos e técnicos da área de saúde de Resende explicarem o motivo de nossa cidade estar com uma nota tão ruim, pois vivem reformando postos de saúde, dizendo que o hospital municipal funciona bem e que Resende surpreende, mas surpreende em que sentido?

Ficando com nota 5,67 a cidade encontra-se em situação considerada precária diante do SUS, correndo o risco de receber menos verbas nos anos seguintes.

Nós cidadãos da cidade estamos esperando uma explicação do prefeito que justifique essa e essa condição, sendo que quando ele assumiu a prefeitura nossa situação era bem melhor.


Os índices que nos envergonharam foram:

Razão de exames de mamografia realizados em mulheres de 50 a 69 anos e população da mesma faixa etária
Razão de procedimentos ambulatoriais selecionados de média complexidade e população residente
Razão de internações clínico-cirúrgicas de alta complexidade  e população residente
Proporção de internações de média complexidade realizadas para não residentes
Proporção de internações de alta complexidade realizadas para não residentes
4,01
4,10
2,48
0,00
0,00





Proporção de procedimentos de média complexidade realizados para não residentes
Taxa de Incidência de Sífilis Congênita
Proporção de Parto Normal
Proporção de óbitos nas internações por infarto agudo do miocárdio (IAM)

0,00
3,96
3,65
5,01


E agora prefeito, dá para explicar isso em ano de eleição? 






Baixe a planilha com as notas de todas as cidades: 


http://portal.saude.gov.br/portal/arquivos/doc/Notas_IDSUS_Indicadores_2011.xls

Nenhum comentário:

Postar um comentário