Escute a Bitradio e ganhe dinheiro.

sábado, 18 de janeiro de 2014

IPTU 2014

Com a inflação alta e o pequeno desconto que a PREFEITURA DE RESENDE OFERECEU, após fazer um calculo rápido cheguei a conclusão de que o mais interessante é pagar o imposto a prazo e não a vista com os míseros 15% de desconto sobre um dinheiro que não está sendo bem utilizado. Isso mesmo, não estamos tendo um bom retorno desse roubo, pois se não doamos nem permitimos a retirada desse dinheiro de nós o nome correto deveria ser ROUBO. Lembrando que hoje pagamos o imposto mais alto do mundo, e um dos maiores da história humana, poucos governos totalitários cobravam impostos de uma forma geral, acima de 30% no Brasil, se levarmos em consideração todos os impostos chegamos a incríveis 48% da renda anual de um cidadão.
Mas como é um roubo legalizado e legitimado então esse ano de 2014 é melhor pagar PARCELADO.
Com inflação chegando na casa de 12,5% na maioria dos cenários partindo, não do índice do governo federal, mas sim do índice de itens que de fato consumimos no dia a dia e uma tendência de alta  nesse índice que basicamente é a desvalorização do dinheiro, então podemos projetar no mínimo de 12% de desvalorização desse dinheiro que estaríamos “doando” ao erário publico hoje.

Tendo a subida do dólar em especial em época de eleições, como certa em um ritmo de cerca de 14% ao ano com a melhoria da economia americana e da Europa, a tendência é sempre de valorização das duas moedas internacionais e a desvalorização do Real, então a parcela do imposto que hoje seria de R$ 20,00 hoje, em valores reais seria de R$ 19,00 no mês que vem e assim sucessivamente de acordo com a subida da inflação que não tem mostras de queda, ao contrario.

Por mais que o suposto desconto de 15% da cota única pareça um bom negocio é bom lembrar que trata-se de imposto, roubo legalizado,  um dinheiro que não será bem aplicado em especial em ano de eleições, quanto menos dinheiro em caixa deixarmos para os políticos gastarem com compra de votos disfarçadas de projetos sociais, mais chances teremos de poder cobrar, reivindicar, exigir alguma coisa sob ameaça de calote geral do imposto.

Vamos ao exemplo:
IPTU = R$ 100,00 ou 10x R$ 10,00  ou  R$ 85,00 á vista
R$ 100,00 – a inflação REAL = VALOR REAL AO FIM DO ANO R$ 88,00
Por que eu pagaria a vista para ganhar no fim das contas R$ 3,00 reis?
Isso sem contar que se aplicado o valor em dólar ou fundos DI, por exemplo, ou mesmo na poupança ( arriscado demais, com a instabilidade financeira do governo que an

É claro que as vantagens não estariam somente na economia financeira e sim em uma forma de frear os gastos públicos, uso indevido do dinheiro de nossos impostos em campanhas politicas.


da botando a mão no dinheiro da poupança da Caixa o que indica que poderá colocar a mão nas demais poupanças)   teríamos no pior cenário já descontada a inflação real R$ 88,00 *5,3 % poupança  = R$ 92,40 ou se aplicássemos em dólar que é mais arriscado teríamos R$ 88,00 x 14% = 102,00 ou em fundos DI 100,88.
PENSE NISSO, PAGUE O IPTU DE 2014 PARCELADO, FINANCEIRAMENTE SÓ IRIA VALER A PENA SE O DESCONTO FOSSE MAIOR QUE 20% A VISTA.


Seja um cidadão exemplar, não compactue com o gasto errado de dinheiro publico, não caia na armadilha de propagandas em televisão, incentivando o pagamento a vista do imposto, propaganda essa paga com o dinheiro do seu imposto, e reclame, ameace um calote coletivo, cobre e se não fizer efeito proteste, vá para as ruas, coloque faixas, exija seus direitos, seja um cidadão e dê exemplo aos demais.

“ Se você não paga o valor total de uma obra a um pedreiro, por que vai pagar para um politico?” 

Nenhum comentário:

Postar um comentário