Escute a Bitradio e ganhe dinheiro.

terça-feira, 15 de julho de 2014

A MENTIRA SOCIALISTA

Sempre que vemos manifestações socialistas, não conseguimos entender exatamente a que elas servem, ou a que prestam, apelam para assuntos comuns corriqueiros como gastos com  copa, corrupção, gastos com obras de mobilidade, mas os maiores escândalos de corrupção da história desse país,  em geral são vindos de partidos e políticos socialistas, de uma esquerda demagoga, então eu pergunto,  qual é a credibilidade dessa gente?  

Eles militam no sentido de criarem uma sociedade mais justa, de uma distribuição de renda que sirva bem ao interesse de todos, mas nunca conseguem explicar o que seria isso na pratica, e nem como isso seria possível sem mexerem na liberdade individual, na democracia e nos direitos consagrados individuais inalienáveis, mas em contrapartida, criam leis e determinações injustas, como o decreto 8243 da presidente Dilma, militam por criar uma sociedade igualitária, mas querem ser os únicos com poderes de serem diferentes e de poderem deter o poder absoluto, militam usando a bandeira da democracia, mas criam leis antidemocráticas, ou seja, os socialistas militam contra coisas promovidas pelos próprios SOCIALISTAS / COMUNISTAS.

Eles sempre alegam que estão ali, em primeiro lugar para defender os pobres... Bom gente! Desculpe-me abrir os olhos de vocês para a realidade, mas isso é uma mentira descarada, uma mentira deslavada e absurda, contraditória a própria defesa, em especial por duas observações que nos levam rapidamente a conclusões exatas dos interesses dessa corja de bandidos vagabundos:

A PRIMEIRA é que não se vê pobres em manifestações comunistas, não se vê pessoas comuns, trabalhadores, motoristas, cobradores esses na realidade são as maiores vitimas dos protestos esquerdistas, eles e os policiais que tem como atribuição principal defender a lei e a ordem, a segurança de todos, além do direito inalienável de ir e vir das pessoas que são prejudicadas pelas manifestações, afinal até podemos ser pobres sim, mas nós não somos burros....

SEGUNDA mentira do COMUNISMO/ SOCIALISMO pode ser notada pelas roupas,  acessórios ( mascaras autônomas contra gás ) de marca caras ostentados pelos militantes dessas facções criminosas criadas para produzirem tumultos e instabilidade em forma de  manifestações, pobres  não têm dinheiro para gastar atoa com isso.  Ou seja, essas manifestações que dizem que lutam por igualdade, liberdade e democracia na realidade só luta por um direito, o deles.

Os direitos deles de cercearem todos os direitos do resto das pessoas que convivem em sociedade, em especial o direito de ir e vir, ou os direitos fundamentais do ser humano, direitos consagrados pela constituição, pelos direitos humanos e toda e qualquer carta de intenções de se ter uma sociedade justa. É apenas isso que eles defendem e usam como bandeiras,  guerrilhas como o MST ou projetos como MAIS MÉDICOS e BOLSA FAMÍLIA.

AGORA a maior falácia dessas manifestações é o apelo aos pobres, afinal por que não se juntam e fazem AÇÕES DE AJUDA e manifestações em favelas e complexos onde a pobreza está impregnada e de fato existem pessoas que necessitam de atenção, cuidados e iniciativas para que possam de fato entrar no mercado formal de empregos?  
Mas pensando bem os próprios socialistas tornaram empregos como o de domestica, acompanhante, babá e outros que exijam pouca formação impossível diante das exigências legais e as obrigações trabalhistas que inviabilizam a geração de empregos que possam contribuir para que as pessoas tenham condições de estudarem e galgarem ter uma profissão, que socialismo é esse que impede o crescimento pessoal?

Será que é pelo motivo de que nem os pobres aceitam esses vermes que estudam em faculdades federais, são filhos, parentes e funcionários de políticos de esquerda, e integrantes de partidos que só visam um governo totalitário e absolutista para o seu grupinho,  os famosos COMUNISTAS CAVIAR,  que criam esses tumultos apenas para afastarem o povo da politica, para causarem nojo no povo pela politica e mesmo sendo uma minoria nojenta esses filhos de chocadeiras, conseguem se abancarem do estado e usurpar dele se proclamando lutadores pelas minorias, a única minoria que defendem são a eles mesmos, vagabundos que não têm coragem de trabalhar, que não querem que ninguém trabalhe, são literalmente bandidos que se usam das falhas da sociedade e do sistema politico para se criarem nas estruturas e proliferarem o caos, assim podem roubar mais dinheiro sem pagar criminalmente por isso. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário