Escute a Bitradio e ganhe dinheiro.

terça-feira, 15 de julho de 2014

DILMA VENDEU O PAÍS PARA A RUSSIA E A CHINA!

Já não é de hoje que vários especialistas internacionais, que ao longo desses 12 anos de desserviços  do PT, avisam que o Brasil está sem qualquer representatividade na comunidade internacional. Começa por Lula virando piada em eventos internacionais e a Dilma sendo ridicularizada por todos os chefes de países desenvolvidos com seus discursos baseados em bravatas e ódio.
Dilma perdeu a liderança na América Latina do MERCOSUL, onde hoje o Brasil tem o papel apenas de um grande provedor de suprimentos e financiador de revoluções comunistas de países falidos.
Para um país que busca um assento permanente no conselho de segurança da ONU perder a liderança do MERCOSUL é um atestado de incompetência e de falta de liderança proativa e nenhum país entra para o conselho sem que seja de relevante importância ou comercial, ou militar, ou uma liderança de bloco ou uma potência nuclear, e nenhum desses hoje é o caso do Brasil.

O país do fim do governo de FHC e inicio do governo Lula nunca esteve em toda a sua historia tão perto do objetivo de ter assento no (CSNU) , mas Lula e sua covardia peculiar reconhecida historicamente desde quando entregava seus amigos de revolução comunista no Brasil ao DOPS, baixou as calças para os irmãos Castro e Hugo Chaves, que segundo os próprios amigos de revolução bolivariana fazia o então presidente brasileiro se mijar nas calças de medo.

Com uma postura dessas, não é muito difícil entender o motivo da ONU não nomear o país para o Conselho.

A nova oportunidade do país seria lideras os BRICS de forma estratégica mantendo em solo nacional o Banco dos BRICS e ao menos a segunda presidência da instituição, mas como os especialistas internacionais já diziam o Brasil virou um nada no cenário internacional não tendo qualquer relevância no campo diplomático e por consequência sempre sendo surpreendidos pelas manobras de países com diplomacia proativa como Rússia e China, parceiros comerciais e ideológicos desde a guerra fria, que simplesmente frustraram todos os anseios de Dilma e do PT ao empurrarem em solo brasileiro a maior derrota do país no campo diplomático da historia de nossa nação. O Brasil a exemplo do MERCOSUL será apenas um figurante e um financiador do ideal comunista.


 Ainda temos as reservas cambiais, mas isso não assegura nada, a verdade é que não temos liderança, não temos representatividade nacional ou internacional e o dinheiro que deveria ser investido na infraestrutura do país tem ido para republiquetas comunistas como investimentos disfarçados, logo em seguida o governo brasileiro perdoa a divida e o BNDES pode enviar mais dinheiro para fora. Ou seja, nos transformamos em uma forma de prostituta que é repetidamente estuprada pelos comunistas, e o pior, por países insignificantes como  Equador, Nicarágua, Venezuela e Cuba, e tudo isso por falta de uma liderança politica e uma REPUBLICA DEMOCRÁTICA bem consolidada. O Brasil é de todo mundo menos dos brasileiros hoje, perceba que em 12 anos de PT o povo nunca foi ouvido, e agora querem dar um golpe no poder estão tentando enganar o povo, dizendo que é o amadurecimento de um processo democrático, se o povo não tomar esse país de volta, em breve e muito breve mesmo, não terá mais país para se tomar.

O título do texto trata de um país vendido pela sua própria presidente, mas por mais estranho que isso possa parecer ela vendeu, mas não ganhou dinheiro, pelo contrario, pagou 10 bilhões de dólares para vender nossa pátria. Sim, nossa pátria, pois a pátria dela é a Bulgária e não o Brasil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário