Escute a Bitradio e ganhe dinheiro.

sábado, 4 de abril de 2015

O controle de armas é uma política de segurança contraproducente.


Países que tem a posse de arma liberada, são menos violentos, afirma o estudo feito pela Universidade deHarvard.

O estudo é longo, mas de forma resumida chega as seguintes conclusões:

Nas nações com leis anti-armas  rigorosas, geralmente têm taxas de homicídio substancialmente mais elevados do que aquelas que não tem.

O estudo constatou que as nove nações europeias com as menores taxas de posse de armas (5.000 ou menos armas por 100.000 habitantes) têm uma taxa de homicídios combinada três vezes maior do que a dos nove países com as maiores taxas de posse de armas (pelo menos 15 mil armas por 100.000 habitantes).
Por exemplo, a Noruega tem a maior taxa de posse de armas na Europa Ocidental, ainda possui a menor taxa de homicídios. Em contraste, a taxa de homicídios da Holanda que é quase o pior, apesar de ter a menor taxa de posse de armas na Europa Ocidental. Suécia e Dinamarca são mais dois exemplos de países com altas taxas de homicídios, mas poucas armas. 

Os autores do estudo terminam o mesmo afirmando

Armas não matam pessoas, pessoas matam pessoas sem a possibilidade de se defenderem! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário